Santana do Ipanema - terÁa, 21 de novembro de 2017
ÔĽŅ
  Informação
Assistência Social
Cultura
Curiosidades
Economia
Educação
Entrevistas
Esportes
Geral
Moda & Beleza
Opinião
Polícia
Política
Religião
Saúde
Sexualidade
Turismo
Vídeos
  Especiais
Canal do Sert√£o
Especiais de Domingo
  Serviço
Documentários
Eventos
Galeria de Fotos
Guia de Negócios
Literatura
Shows e Festas
  Interativo
Fale Conosco
Mural de Recados
Rádio Portal Maltanet
Webmail
 
Sibele Arroxellas
Conheça o colunista Fale com o colunista
 

13/11/2012
E dois anos se passaram...
 
E dois anos se passaram...

Lá estava construído o grande prédio, distante, vazio, sem vida, sem cor, clamando por cuidados, esse era o prédio do futuro Hospital de Santana do Ipanema. As pessoas que por lá passavam e diziam que nunca iríamos ver o mesmo funcionar, não iríamos vê-lo atender nossa população.
Depois de anos, a movimenta√ß√£o come√ßou a ocorrer no ‚Äúpr√©dio abandonado‚ÄĚ, pessoas desconhecidas surgiram, sotaques diferentes, costumes desconhecidos, e a popula√ß√£o se perguntava: De onde v√™m essas pessoas? ; O que fazem no sert√£o Alagoano? ; O que fazem no hospital? ; eram Ga√ļchos que em solo santanense pisavam , trazendo com eles novas perspectivas de sa√ļde,novas id√©ias , novos objetivos.De uma hora para outra surgiu a not√≠cia pelas ladeiras de Santana do Ipanema, que o hospital finalmente iria funcionar, mas alguns incr√©dulos ainda se perguntavam: Ir√° funcionar mesmo? ; Acho dif√≠cil ‚ÄúESSE POVO‚ÄĚ colocar esse hospital para funcionar.
As a√ß√Ķes foram sendo realizadas, a organiza√ß√£o que os ‚ÄúGa√ļchos‚ÄĚ trouxeram foram sendo implantadas e o processo de abertura do novo hospital foi evoluindo.E eu , que participei da constru√ß√£o desse pr√©dio , n√£o poderia perder a grande inaugura√ß√£o , estava eu l√° na abertura oficial , no ambulat√≥rio,orgulhosa mesmo n√£o sendo Santanense de sangue, mas sim de cora√ß√£o.Estava l√° com muito orgulho de participar desse momento hist√≥rico para a sa√ļde de Santana do Ipanema.Achei tudo lindo , amplo , organizado e pensei comigo: Ajudei na constru√ß√£o e quero ajudar na assist√™ncia.Alguns dias se passaram e gra√ßas a Deus , fui convocada pra realizar prova escrita e entrevista.Lembro-me que estava muito nervosa, ansiosa e com muita vontade de compor o quadro de funcion√°rios.O tempo passou ....Ah! Alegria, fui chamada para integrar parte dessa equipe. Nesse momento j√° ocorria √† mistura de Estados, eram Ga√ļchos, Alagoanos, Pernambucanos, entre outros, em busca de um atendimento de qualidade.
Estava eu l√°, abertura da Emerg√™ncia do Hospital Regional Dr. Clodolfo Rodrigues de Melo... Primeira noite de atendimento, toda orgulhosa de mim e da Institui√ß√£o. Coordenadores presentes, Diretores presentes, Corpo de Enfermagem e M√©dico a postos, e da√≠ come√ßamos a cuidar da sa√ļde do Sertanejo.
Hoje, dois anos ap√≥s sua abertura, vimos como crescemos enquanto fam√≠lia Hospital Dr. Clodolfo Rodrigues de Melo, vimos como aprendemos, com evolu√≠mos, como nos aperfei√ßoamos e sabemos que esse √© um processo di√°rio de aprendizagem. Lidamos com sentimentos, limites e ang√ļstias de pessoas. Ouvimos hist√≥rias de supera√ß√£o, de dor e aprendemos a cada plant√£o que a enfermagem tem que a cada dia se aperfei√ßoar na ‚ÄúArte do Cuidar‚ÄĚ.
Após esses dois anos, hoje somos uma família que temos a oportunidade de sermos sempre treinados e reciclados, prestando atendimento ao povo sertanejo, com aquisição de conhecimentos e com a certeza de que nos melhoramos sempre.
Estamos melhor que ontem e devemos nos melhorar a cada dia. Agrade√ßo a Deus por essa experi√™ncia e sabe ‚Äúaqueles Ga√ļchos‚ÄĚ? , independente de onde s√£o, o que importa √© que ‚ÄúELES ‚Äú s√£o bons,competentes e organizados no que fazem , possuem uma excelente vis√£o de lideran√ßa , administrativa e gerencial.Merecem todo o agradecimento do Sertanejo Alagoano , por viabilizar uma sa√ļde de qualidade , com profissionais competentes e qualificados.
Hospital Regional Dr. Clodolfo Rodrigues de Melo. Realidade no Sert√£o Alagoano, promovendo sa√ļde e amenizando sofrimentos f√≠sicos e mentais, com excel√™ncia.
Parabéns em especial aos desbravadores de coragem, que acreditaram e viabilizaram essa realidade ao sertanejo : Marco Calderon , André Nunes, Mariana Spinele , Renato Rocha, Carla Machado , vocês iniciaram esse processo de mudança e acreditaram em nosso povo.E agradeço também, aos colaboradores dessa instituição, aos quais tenho o prazer de conviver e aprender a cada dia.

Orgulho de ser colaboradora do Hospital Regional Dr. Clodolfo Rodrigues de Melo!!!
Dois anos contribuindo com a qualidade da sa√ļde do sertanejo Alagoano!!!



Sibele Arroxellas
Nov/ 2012




Últimas publicações
- TAMBORIM
- E dois anos se passaram...
- Tudo a tempo de Deus...
Colunistas
Antonio Machado
DO LIXO AO LUXO
Archimedes Marques
DELEGADO ARCHIMEDES CONTRA O MATA SETE
Augusto Ferreira
Solidariedade começa com pequenos gestos
Carlindo de Lira
INTERIORIZAÇÃO versus METROPOLIZAÇÃO
Carlito Lima
SOCORRINHO
Cicero de Souza Sobrinho (Prof. Juca)
Fabulosa
Clerisvaldo B. Chagas
Resposta Benigna a Machado
Djalma Carvalho
COLEGA, GOZADOR, POLIGLOTA
F√°bio Campos
QUEM √Č ESTA MULHER?
Jo√£o do Mato
O QUE √Č UM PROBLEM√ÉO PODE TORNAR-SE UMA SOLU√á√ÉO
Joaquim José Oliveira Chagas
RETALHOS DE UM PA√ćS
José Ailson Ferreira Leite
ESPECIAL SEMANA SANTA - DOMINGO DE P√ĀSCOA
Jos√© Ant√īnio (Toninho)
Cirurgiões-dentistas ganham autorização para solicitar exames complementares
José Avelar Alécio
ENSINO PÚBLICO DE ALAGOAS x ENEM
José de Melo Carvalho
AFONSO ALECIO GOMES, UM BANC√ĀRIO EXEMPLAR
José Malta Fontes
SERTÃO EM FLOR
José Vaneir Soares Vieira
VIII - A TERRA E O C√ČU FUGIRAM DE DEUS - i
Luciene Amaral da Silva
DETALHES
Manoel Augusto
Jogos de azar !!!???
Maria L√ļcia Nobre dos Santos
RIO BALDO
Marta Alves Lemos
Desabrochando pra vida!
Paiva Netto
Doe sangue
Pe. José Neto de França
VOCE SE CONSIDERA UMA PESSOA MEDROSA?
Pedro Cardoso Costa
ABRAÇO DE AFOGADOS
Rogivaldo Chagas
A NATUREZA DAS ESCOLHAS
Sibele Arroxellas
TAMBORIM

Últimas Atualizações
Doe sangue
DO LIXO AO LUXO
Lincoln, o prego e o reino
 
© 2001/2017 - Portal Maltanet - Todos os direitos reservados