Santana do Ipanema - quarta, 20 de setembro de 2017
  Informação
Assistência Social
Cultura
Curiosidades
Economia
Educação
Entrevistas
Esportes
Geral
Moda & Beleza
Opinião
Polícia
Política
Religião
Saúde
Sexualidade
Turismo
Vídeos
  Especiais
Canal do Sertão
Especiais de Domingo
  Serviço
Documentários
Eventos
Galeria de Fotos
Guia de Negócios
Literatura
Shows e Festas
  Interativo
Fale Conosco
Mural de Recados
Rádio Portal Maltanet
Webmail
 
Augusto Ferreira
Conheça o colunista Fale com o colunista
 

18/06/2010
Ficha Limpa e futebol
 
Estamos em um momento de alegria, euforia e ao mesmo tempo de preocupação no Brasil. Dois eventos marcam decisivamente a história do país. A Copa do Mundo, em que lutamos pelo Hexa e a eleição para presidente. Os três adjetivos se aplicam aos dois casos.

No último dia 15 de junho, com a estréia da seleção brasileira no mundial, a nação pulou, gritou, assoprou as vuvuzelas. O barulho pelas ruas anunciava tanto a alegria, quando a euforia. Mas nos primeiros minutos de jogos bateu a preocupação. Os coreanos jogavam retrancados, não deixavam os brasileiros avançarem. Porém a luta e a raça, características do povo brasileiro, foram exemplares. Um jogo sem arte, sem a jinga, sem o brilho que esperávamos. Mas o resultado foi satisfatório: 2 a 0, para o Brasil.

Dois dias depois, em 17 de junho, depois de um longo período de discussão no Congresso Nacional, foi sancionada a Lei Ficha Limpa, que condena os políticos que cometeram crimes eleitorais, antes mesmo da aprovação, em 4 de junho. Durante o período em que a Lei estava sendo estudada, avaliada e quase “abortada”, foi motivo de preocupação e euforia. Só foi possível comemorar quando o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) decretou que não é possível candidatos que tem ficha “suja” concorrer a cargos políticos.

Essa decisão é sem dúvidas uma vitória para a democracia brasileira. Foi uma mobilização que começou com um deputado e que recebeu apoio total da Igreja Católica. Pode-se afirmar, com toda certeza, que mais uma vez a Igreja mostra preocupação e luta por uma sociedade mais fraterna e justa.

Alegria, euforia e preocupação estão presentes tanto na política, quanto no futebol. O importante é não desanimar, mesmo que tudo pareça perdido ou impossível, há sempre uma solução quando se tem sede de vitória. A primeira vitória já teve: aprovação do projeto Ficha Limpa. Corremos pela segunda: ser Hexa Campeão.

Últimas publicações
- Solidariedade começa com pequenos gestos
- Ficha Limpa e futebol
- A escola mais querida da região sertaneja
Colunistas
Antonio Machado
FASCÍCLOS QUE FASCINAM
Archimedes Marques
DELEGADO ARCHIMEDES CONTRA O MATA SETE
Augusto Ferreira
Solidariedade começa com pequenos gestos
Carlindo de Lira
INTERIORIZAÇÃO versus METROPOLIZAÇÃO
Carlito Lima
SOCORRINHO
Cicero de Souza Sobrinho (Prof. Juca)
Fabulosa
Clerisvaldo B. Chagas
Resposta Benigna a Machado
Djalma Carvalho
TRAVESSURAS DE ZÉ MALTA
Fábio Campos
LERÊ, LERÊ, LERÊ, LERÊ...
João do Mato
O QUE É UM PROBLEMÃO PODE TORNAR-SE UMA SOLUÇÃO
Joaquim José Oliveira Chagas
RETALHOS DE UM PAÍS
José Ailson Ferreira Leite
ESPECIAL SEMANA SANTA - DOMINGO DE PÁSCOA
José Antônio (Toninho)
Cirurgiões-dentistas ganham autorização para solicitar exames complementares
José Avelar Alécio
ENSINO PÚBLICO DE ALAGOAS x ENEM
José de Melo Carvalho
AFONSO ALECIO GOMES, UM BANCÁRIO EXEMPLAR
José Malta Fontes
POR QUE EU?… CAÇULA
José Vaneir Soares Vieira
VIII - A TERRA E O CÉU FUGIRAM DE DEUS - i
Luciene Amaral da Silva
DETALHES
Manoel Augusto
Jogos de azar !!!???
Maria Lúcia Nobre dos Santos
RIO BALDO
Marta Alves Lemos
Desabrochando pra vida!
Paiva Netto
Desarmar os corações
Pe. José Neto de França
A IGREJA NÃO É CASA PARA PERFEITOS, MAS UM HOSPITAL PARA ENFERMOS
Pedro Cardoso Costa
ABRAÇO DE AFOGADOS
Rogivaldo Chagas
A NATUREZA DAS ESCOLHAS
Sibele Arroxellas
TAMBORIM

Últimas Atualizações
LERÊ, LERÊ, LERÊ, LERÊ...
FASCÍCLOS QUE FASCINAM
Desarmar os corações
 
© 2001/2017 - Portal Maltanet - Todos os direitos reservados